Bicicletaria não faz home-office e vende muito rolo de treino durante isolamento

A Aliança Bike entrevistou 161 lojistas de 17 Estados do país entre 15 de março e 15 de abril e descobriu que mais de três quartos deles acredita que a bicicleta será a principal solução de deslocamento na cidade no pós-corona. Eles também preveem crescimento das vendas acima da média após a retirada das medidas de isolamento.

É sentimento que quem não parou de consertar relações, freios e pedais e ainda vendeu muito rolo de treino. A média de crescimento na venda desse aparelho que permite pedalar dentro de casa foi de 250%.

Em muitas regiões, como no Estado de São Paulo, o conserto de bicicletas foi considerado serviço essencial e isso pode explicar porque 86% dos entrevistados afirmou ter mantido as operações em funcionamento ao mesmo tempo em que 58% viu aumentar a demanda. Desses, 20% em produtos e 24% em bicicletas completas.

Não houve home office em 70% das bicicletarias ouvidas. A metade delas adotou férias compulsórias para funcionários, ou redução da jornada de trabalho, e só 30% demitiu. O salário integral foi garantido por 75% delas.

O tempo do isolamento foi usado por 76% dos lojistas para organização interna, 78% ampliou a presença nas redes sociais e 73% investiu mais em canais de e-commerce.

Assista esta reportagem do canal Pequenas Empresas Grandes Negócios feita com o Rogério Ferreira, microempreendedor que viu o faturamento crescer 40% na Central Bikes Bicicletaria que ele mantém no Brookyn. Lá, a demanda diária de serviços por ciclistas entregadores dobrou de 12 para 24 atendimentos desde que foi implantada a quarentena.

Leia nota completa da Aliança Bike em http://aliancabike.org.br/crise-nas-lojas-covid-19/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.