Trump quer atrair empregos aumentando tarifas de produtos chineses. Vai levá-los para o Camboja e Hungria

Donald Trump resolveu aumentar as tarifas de importação de bens e produtos chineses de 10% para 25%. A ideia era atrair empregos para os Estados Unidos. Mas quem vai se beneficiar são países do sudeste asiático e leste europeu e ainda prejudicar a expensão de empregos em indústrias que produzem no país.

A Giant, fabricante de bicicletas de montanha e de corrida, fechou uma fábrica na China no final de 2018 e mudou a maioria dos pedidos dos EUA para fora do país. Anunciou em julho passado que está montando uma fábrica na Hungria.

Atualmente, a Giant tem uma fábrica em Taiwan, outra na Holanda e cinco na China. A fábrica de Taiwan trabalhará em turnos duplos para acompanhar os pedidos realocados. Segundo a Bloomberg, a empresa disse que está procurando um parceiro no sudeste da Ásia.

De acordo com o site Politico, as empresas estão realmente saindo da China, mas não estão migrando para os Estados Unidos, minando a promessa central da guerra comercial de Trump. Os mercados de trabalho mais baratos no sudeste da Ásia são os que mais se beneficiam em meio à guerra comercial que aumentou as taxas sobre os produtos chineses.

Na verdade, a guerra comercial está prejudicando até mesmo fábricas que montam bicicletas nos Estados Unidos. A Kent International tem produzido bicicletas na planta em Manning, estado da Carolina do Sul. As peças usadas são importadas de Shanghai, China, por meio de uma joint- venture com a Shanghai General Sports.

A empresa chinesa vai mover a produção para o Camboja em uma planta de 12 mil metros quadrados onde pretende produzir 30% dos 3 milhões de bicicletas fabricadas por ano.

As tarifas também estão afetando as ambições da Kent International de levar empregos para os EUA. A empresa precisa de tubos de aço como componentes na linha de montagem de soldagem, que atualmente só podem ser comprados a um preço razoável de fornecedores estrangeiros.

As tarifas do governo sobre importações de aço e alumínio – bem como a ameaça de novas tarifas para a maioria dos componentes usados ​​na produção de bicicletas – significou que fases adicionais de trazer empregos para os EUA ainda estão por acontecer.

.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.