Opinião

A empresa pode obrigar funcionários a não usar bicicleta para se locomover a serviço, diz advogada

É comum nas empresas não estimularem uso de bicicletas para não se comprometer em caso de acidentes de funcionários

Estive em uma empresa recentemente. Multinacional. A representante do RH disse que o jurídico e ao departamento de segurança a orientaram a não estimular o uso da bicicleta entre os funcionários para evitar processos trabalhistas e absenteísmo. Alegaram não haver estrutura segura para o deslocamento.

Não foi a primeira empresa que falou isso. Uma outra, com atividades à margem da rodovia Presidente Dutra, explicou que a falta de estrutura cicloviária inviabiliza programas de estimulo ao uso de bikes. E eles são uma empresa de logística.

Semana passada, o jornal Valor Econômico publicou uma reportagem sobre isso na página jurídica. Advogades dizem que bicicletas são um risco jurídico e trabalhista. Uma delas afirmou que a empresa pode até proibir que o funcionário vá de bicicleta, caso entenda que o entorno ofereca riscos para a segurança deles. Um despropério.

Os bacharéis alegam que se estimular os funcionários a usar bicicleta para chegar ao trabalho caso ele sofra acidentes podem ser penalizados na Justiça do Trabalho. Além disso, vão usar mais plano de saúde, haverá mais faltas ao serviços e outras coisas. “O funcionário usará mais o plano de saúde corporativo e ainda ficará com a garantia de emprego por um ano”, disse um bacharel para a repórter Laura Ignácio.

O jornal ouviu outras fontes também, como manda o jornalismo, que relativizaram essa opinião. o Advogado Daniel Chiode disse que se as empresas instruírem os funcionários sobre o uso das bicicletas, os riscos são minimizados.

Outro entrevistado afirmou que as empresas precisam treinar melhor caso optem em estimular o uso de bikes e patinete.

Nada contra os operadores jurídicos alertarem os riscos envolvidos. Mas porque não dizer que há institutos e ongs capacitadas que vivem em ensinar as pessoas a pedalar com segurança. Bike Anjo, Aromeiazero, CicloBR e outras,que fazem estudos de vanguarda, mostrando as vantagens em ter funcionários que vão de bicicleta ao trabalho, como WRI, ITDP, Bloomberg, Transporte Ativo e Ciclocidade.

Abster-se de propor uso de transportes não poluentes para funcionários pode ser um tirpo no pé. Até o Itaú sabe que bicicleta mata três coelhos numa pedalada. Com ela põe-se na Poupança mais de 10 mil reais anuais que seriam gastos em gasolina e ônibus/metrô. Gasta-se zero de remédio, zero de academia, vê-se aumento na felicidade e queda na pegada de carbono. E falta-se menos ao trabalho. Só consultar o estudo do Cebrap.

Aqui nessas glebas, o campo conservador costuma alardear a insegurança para “deixar quieto”, para ver se esquecem. Usem táxi, concedam o Vale Transporte, ajude no fretado. Bicicletário? Temos, mas precisa pegar 10 autorizações e assinar termos de responsabilidade. Quem ainda está na bolha deve ler outra cartilha de incentivo, a De Bike ao Trabalho, do Transporte Ativo

Aliás, outra cartilha do Transporte Ativo deve ser fonte de consulta de todos os gestores de RH para o assunto. Ela foi escrita por Eduardo Sens dos Santos, promotor de Justiça de Santa Catarina.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Silvia e Nina

de BICICLETA todos os dias pela cidade de São Paulo desde 1989

Bicicletismo

O primeiro site sobre bicicleta & ciclismo em Foz do Iguaçu - PR

Revista Bicicleta

Viva a bicicleta!

Emotional Cycling

Redescobrindo emoções através do ciclismo.

VIVIMETALIUN

Pensamos demasiadamente e sentimos muito pouco. Necessitamos mais de humildade que de máquinas. Mais de bondade e ternura que de inteligência. Sem isso, a vida se tornará violenta e tudo se perderá. Charles Chaplin.

Bicicletada Curitiba

A rua é de todos!

BICYCLE DUTCH

All about cycling in the Netherlands

Europe Bike Travel

Sharing Experiences traveling by bicycle.

Bike Zona Sul

Nosso norte é o Sul!

Bike aos pedaços

Notícias do mundo da bike, avaliações, informações, lançamentos, dicas e novidades

Depressão com Poesia

SOBRE SAÚDE MENTAL E POESIAS

Humberto Abdo

Repórter cultural em São Paulo

maismaismedicina

blog para a divulgação e discussão de temas médicos de interesse geral

Jornal Bicicleta

Notícias sobre cultura e mercado da bicicleta

Discover

A daily selection of the best content published on WordPress, collected for you by humans who love to read.

Longreads

The best longform stories on the web

The Daily Post

The Art and Craft of Blogging

The WordPress.com Blog

The latest news on WordPress.com and the WordPress community.

%d blogueiros gostam disto: