cidades

Foram as mulheres que impulsionaram o uso da bicicleta na Espanha

Uso de bicicletas por mulheres na Espanha subiu de 37,4% em 2017 para 42,8% em 2019. Foto Anastasia Tarasova.

Alberto Vela European Cyclist Federation

O Barômetro da Bicicleta de 2019 na Espanha foi elaborado pela Rede de Cidades pela Bicicleta e mostra que o uso de bicicletas aumentou 2 pontos percentuais no país desde 2017. O aumento foi impulsionado por mulheres que fizeram o índice de uso crescer seis pontos percentuais nos últimos dois anos, em contraste com o impasse sobre o ciclismo entre homens espanhóis.
A bicicleta está gradualmente se tornando mais popular no sul da Europa. O caminho é longo e o ponto de partida está bem longe dos vizinhos do norte, tanto em termos de infraestrutura quanto de eficiência. Mas a Espanha está melhorando rapidamente as estatísticas e as mulheres são as responsáveis ​​por esse aumento nos últimos anos.

Em 2017, 59,1% dos homens e 37,4% das mulheres usavam bicicletas com frequência. No entanto, em 2019, a proporção de homens permaneceu a mesma (58,9%), enquanto a das mulheres aumentou seis pontos (42,8%).
A bicicleta alcançou uma posição sem precedentes: mais da metade dos espanhóis entre 12 e 79 anos (50,7%) a utilizaram com certa frequência no ano passado. Um recorde que não seria compreendido sem a inclusão de mulheres no ciclismo: se o uso da bicicleta cresceu dois pontos desde 2017 na Espanha, é porque mais e mais mulheres estão andando de bicicleta. Como mostra o mais recente barômetro de bicicleta na Espanha, a diferença de gênero entre os ciclistas diminuiu 16 pontos desde 2010.

Evolução do uso de bicicletas por homens e mulheres na Espanha em % da população

Ciclismo ganha terreno em cidades médias
O Barômetro de Bicicleta, elaborado pela RCxB (membro do grupo de especialistas da Rede de Cidades e Regiões da ECF ), também revela que o compartilhamento de bicicletas está funcionando em muitas cidades espanholas comprometidas com esse sistema. Atualmente, mais de três milhões de espanhóis usam algum tipo de bicicleta pública.

Não apenas o conhecimento sobre o serviço aumentou 4,4% nos últimos dois anos, mas também o uso. Uma em cada cinco pessoas que conhecem o serviço o utiliza. Esse número cresceu 5,1% em relação a 2017.

É em cidades de tamanho médio, com um bom sistema público e uma infra-estrutura adequada para ciclismo, onde a bicicleta é mais bem-sucedida na Espanha. O estudo mostra uma proporção maior de usuários de bicicleta em Sevilha (59,7%), Zaragoza (58,1%) e Valência (55,77%) do que nas duas principais cidades espanholas: Barcelona (51%) e Madri (47%). No entanto, nas grandes cidades, existe um amplo entendimento sobre as vantagens da bicicleta. Madri e Barcelona se apresentam como locais onde o ciclismo se torna mais desconfortável, mas também onde o uso da bicicleta é visto como a opção mais econômica.

A maioria dos cidadãos espanhóis (91%) acha que as prefeituras deveriam criar vagas para bicicletas, principalmente em estações e pontos de transporte público, mas também em prédios públicos e privados (87%).

Educação sobre segurança viária, um assunto pendente
A bicicleta passou por um avanço generalizado nas viagens diárias, como ir ao trabalho, estudar e outras viagens diárias. O aumento mais significativo no uso de bicicletas está em viagens para escolas e universidades (8,6% desde 2017). No entanto, ainda existe um sentimento geral de falta de educação em segurança rodoviária entre os espanhóis.

Em 2019 pela primeira vez a maioria de espanhóis acredita que ciclistas não estão respeitando os pedestres (gráfico à esquerda)

Há uma crescente percepção de incivilidade por parte dos ciclistas em relação aos pedestres. 51% dos espanhóis consideram que os ciclistas não respeitam os pedestres, uma tendência que aumentou 17% desde 2010. Por sua vez, 54,0% consideraram que os veículos a motor também não respeitavam os ciclistas. A disseminação de bicicletas nos espaços públicos está criando uma mudança de comportamento na Espanha, e o grande trabalho de organizações como RCxB e ConBici está sendo essencial para essa melhoria.

Artigo Original: https://ecf.com/news-and-events/news/women-boost-bicycle-use-spain

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Silvia e Nina

de BICICLETA todos os dias pela cidade de São Paulo desde 1989

Bicicletismo

O primeiro site sobre bicicleta & ciclismo em Foz do Iguaçu - PR

Revista Bicicleta

Viva a bicicleta!

Emotional Cycling

Redescobrindo emoções através do ciclismo.

VIVIMETALIUN

Pensamos demasiadamente e sentimos muito pouco. Necessitamos mais de humildade que de máquinas. Mais de bondade e ternura que de inteligência. Sem isso, a vida se tornará violenta e tudo se perderá. Charles Chaplin.

Bicicletada Curitiba

A rua é de todos!

BICYCLE DUTCH

All about cycling in the Netherlands

Europe Bike Travel

Sharing Experiences traveling by bicycle.

Bike Zona Sul

Nosso norte é o Sul!

Bike aos pedaços

Notícias do mundo da bike, avaliações, informações, lançamentos, dicas e novidades

Depressão com Poesia

SOBRE SAÚDE MENTAL E POESIAS

Humberto Abdo

Repórter cultural em São Paulo

maismaismedicina

blog para a divulgação e discussão de temas médicos de interesse geral

Jornal Bicicleta

Notícias sobre cultura e mercado da bicicleta

Discover

A daily selection of the best content published on WordPress, collected for you by humans who love to read.

Longreads

The best longform stories on the web

The Daily Post

The Art and Craft of Blogging

The WordPress.com Blog

The latest news on WordPress.com and the WordPress community.

%d blogueiros gostam disto: